www.jn.ptjn.pt - 14 jun 12:20

Vinhos do Alentejo com expressão cada vez mais afincada

Vinhos do Alentejo com expressão cada vez mais afincada

Tiago Caravana, diretor de marketing da CVRA, fala-nos um pouco sobre o vinho e a vinha da região e de como a CVR alentejana encara os desafios do futuro para os produtores e consumidores.
Produzido por:

Os vinhos alentejanos são conhecidos pela forma expressiva como correspondem ao gosto dos consumidores. Como se conseguem distinguir os diferentes produtores de vinhos do Alentejo?

É verdade, temos 40% de quota de mercado de vinhos certificados em Portugal e na exportação temos registado um crescimento exponencial, exatamente devido à forma positiva como os consumidores reagem quando provam os nossos vinhos. A diferenciação dos produtores, entre si, faz-se naturalmente, dado que o Alentejo é a região portuguesa com maior diversidade de solos, as oito sub-regiões têm características diferentes em termos de clima e relevo e, por fim, a dimensão e filosofia de cada empresa também acaba por originar vinhos e conceitos diferentes.

O Alentejo é o guardião por excelência do vinho de talha. O que distingue estes vinhos?

O Alentejo é uma das duas únicas regiões no mundo que manteve a tradição ininterrupta, de produzir vinhos em talha, desde o tempo dos romanos. Hoje em dia, este tipo de vinificação tornou-se uma tendência mundial, em voga em muitos países produtores. O Alentejo tem a grande vantagem de ter uma cultura viva de populações inteiras, onde em todas as casas se produzem vinhos de talha, os quais são muito gastronómicos e foram criados para acompanhar os petiscos ao fim da tarde, e que foram grandes inspiradores do Cante Alentejano, recentemente reconhecido como Património Imaterial pela UNESCO.

De que forma destaca o papel do enoturismo no Alentejo e como caracteriza a preocupação de uma produção sustentável?

A sustentabilidade é um ponto crucial para nós! Coordenamos o Programa de Sustentabilidade dos Vinhos do Alentejo, único em Portugal, trabalhando individualmente com cada produtor para melhorar cada um e, consequentemente, toda a região, ao nível de apoio na implementação de melhores práticas que melhorem o seu impacto ambiental, económico e social. O enoturismo tem tido uma evolução excecional no Alentejo, acompanhando a tendência do turismo em Portugal. Em 2014, o portal americano USA Today classificou o Alentejo como a melhor região do mundo para enoturismo e desde aí todos os anos a região tem sido distinguida por diferentes publicações. Isto aumentou muito a notoriedade da região e, consequentemente, o número de visitantes. É muito gratificante, pois quem nos visita cria laços afetivos com a região, com os nossos vinhos e produtores.

TIAGO CARAVANA

"O Alentejo tem a grande vantagem de ter uma cultura viva de populações inteiras, onde em todas as casas se produzem vinhos de talha, os quais são muito gastronómicos e foram criados para acompanhar os petiscos ao fim da tarde e que foram grandes inspiradores do Cante Alentejano"

2
1