expresso.ptexpresso.pt - 14 jun 12:33

EDP perde leilão de energia eólica offshore em França

EDP perde leilão de energia eólica offshore em França

Elétrica portuguesa concorria ao projeto francês de Dunquerque aliada à Engie e E.On, mas acabou por perder o leilão para o consórcio liderado pela EDF

A EDP Renováveis perdeu o leilão para licenciar um parque eólico offshore em França com 600 megawatts (MW), tendo a licitação sido ganha pelo consórcio que junta a EDF, Innogy e Enbridge.

O Governo francês anunciou esta sexta-feira que o leilão para o parque eólico de Dunquerque foi ganho pelo consórcio da EDF, com um preço de venda da energia abaixo dos 50 euros por megawatt hora (MWh).

Neste leilão a EDP Renováveis tinha firmado uma aliança com a francesa Engie, que já em março deste ano foi alargada à alemã E.On, conforme o Expresso então avançou.

O leilão de Dunquerque atraiu ainda gigantes do sector elétrico como a Iberdrola e Vattenfall, bem como petrolíferas que estão a tentar investir nas renováveis, nomeadamente a Total e a Shell.

O desfecho deste leilão deixa otimista o presidente da associação eólica europeia Wind Europe, Giles Dickson. "As coisas começam a parecer mais positivas para a energia eólica em França com os resultados do leilão offshore de Dunquerque e o mais recente leilão onshore. Os resultados de Dunquerque são notícias excelentes para a eólica offshore em França e mais uma prova de que a eólica no mar é uma fonte de energia madura e competitiva", comentou o líder da Wind Europe.

Dunquerque poderia ser o terceiro grande projeto eólico offshore da EDP em França. Neste país a EDP Renováveis começará este ano a construir dois parques no mar, cada um com 496 MW, ao largo de Nantes e da costa da Normandia, e com início de produção previsto para 2021.

Além de França, a EDP está a explorar oportunidades na eólica offshore no Reino Unido e Estados Unidos da América. Recentemente o grupo anunciou uma parceria com a francesa Engie para avançarem juntas noutras geografias. Em Portugal a EDP Renováveis está a construir um parque eólico de 24 MW (com três turbinas) ao largo de Viana do Castelo.

1
1