www.dinheirovivo.ptdinheirovivo.pt - 12 jun 14:31

Este país bloqueou acesso à internet para impedir ‘copianços’ nos exames

Este país bloqueou acesso à internet para impedir ‘copianços’ nos exames

Apesar de não ter sido confirmada pelas entidades da Etiópia, os dados apontam que o país tenha bloqueado momentaneamente o acesso à Internet.

A situação é apontada pelo grupo Net Blocks, que aponta um ‘blackout’ total no acesso à Internet esta terça-feira, durante o tempo dos exames nacionais da Etiópia.

Os dados que circulam no Twitter, visíveis na conta Internet Intelligence, mostram também uma acentuada quebra no tráfego durante o período de tempo dos exames.

Ethiopia downs Internet to combat cheating on student exams. DNS query and traceroute completion rates go to zero at 7:00 UTC on the @Oracle @Internetintel map. View live updates here: https://t.co/1TfRfkzcdC pic.twitter.com/gXdC2hzzeA

— InternetIntelligence (@InternetIntel) June 11, 2019

De acordo com o site Africa News, não é a primeira vez que esta situação ocorre na Etiópia. Em 2017, uma fonte oficial terá reconhecido à Reuters esta prática, para “prevenir a fuga de informação”. Era ainda explicado que se tratava de uma medida “proativa”. “Queremos que os nossos estudantes se concentrem e que estejam livres da pressão psicológica e distrações [da internet]”, indicava Mohammed Seid, responsável governamental, à Reuters.

Leia também | Rússia quer desligar-se da Internet para exercício de defesa

Há uns anos, uma fuga de informação e divulgação das provas de exame na internet motivou inclusive o cancelamento dos exames.

Esta prática de bloqueio de acesso à internet está a merecer fortes críticas por parte de grupos que defendem os direitos digitais. Em África, bloqueios deste género têm sido recorrentes, com os grupos ativistas a defender que “se trata de uma violação dos direitos humanos”, com práticas perigosas para a democracia.

Internet shutdowns are on the rise across Africa

⚠️Violating human rights
⚠️Harming democracy
⚠️Stifling development

Follow the conversation online from #DiscoTech, @RightsCon Tunis today to hear from the people who are pushing back #KeepItOn
🔛 https://t.co/y085BG8sqn pic.twitter.com/MGlaAwAEcj

— NetBlocks @ RightsCon (@netblocks) June 10, 2019

1
1