www.computerworld.com.ptJoão Miguel Mesquita - 11 jun 09:53

O impacto da transformação digital no Marketing e nas Vendas

O impacto da transformação digital no Marketing e nas Vendas

Num futuro não muito distante, será preciso explicar aos mais jovens algo que até há bem pouco tempo era óbvio: para realizar qualquer tipo de venda era preciso inúmeras reuniões e visitas aos escritórios das empresas. Visitar o Cliente, demonstrar o produto, revelar a sua importância, instigar a n

Por Ana Barros | OUTMarketing

A transformação digital resultou num grande impacto nas nossas vidas pessoais e inevitavelmente, no nosso trabalho, nomeadamente no  desenvolvimento de estratégias de Marketing e Vendas. Tal mudança é aplicável tanto para aqueles que trabalham no B2C, quanto para quem está a atuar no segmento B2B.

O Marketing Digital, as suas vertentes e as metodologias inovadoras, deram novo fôlego e permitiram que pequenas e médias empresas entrassem no mercado de maneira competitiva e expedita. Conquistar os maiores Clientes e contas relevantes, deixou de ser algo exclusivo das grandes organizações.

Apesar das mudanças evidentes em diferentes aspetos, ainda há quem não entenda a transformação digital na sua plenitude e as suas repercussões nas diferentes equipas de uma empresa, em especial nas áreas de Marketing e Vendas.

Durante muito tempo, a equipa Comercial e o Marketing, trabalharam de forma independente, revelando um certo atrito na operação do seu dia a dia. Uma das grandes mudanças que a transformação digital trouxe, foi precisamente na relação entre estas duas equipas.

Trabalhar de forma alinhada e com foco no mesmo objetivo, é uma exigência deste novo momento. Só assim, é possível pensar em estratégias completas, com responsabilidades bem definidas e em prol do crescimento da empresa. O alinhamento entre as equipas das organizações, é a garantia para que possam chegar aos resultados estabelecidos. Vender, por exemplo, deixou de ser uma responsabilidade exclusiva do Comercial e por outro lado, entender  a importância de cada ação ou campanha, não é já só da responsabilidade do Marketing.

O Marketing Digital trouxe as métricas para o foco das atenções. Cada ação, cada campanha ou, até mesmo, uma simples publicação, pode ser analisada através de diferentes métricas ーTaxa de abertura de email, Taxa de Cliques, Custo de Aquisição de Cliente ー e muitos outros números que podem ser acompanhados em tempo real. São estes os números que vão permitir que a sua equipa de Vendas e Marketing, acompanhe cada uma das ações. Desta forma, torna-se mais fácil entender o  sucesso ou a necessidade de algum ajuste na estratégia. Diferentemente do Marketing tradicional, a transformação digital trouxe para as empresas a capacidade de análise dos resultados de maneira completa e, consequentemente, a busca por soluções de melhoria para impulsionar os resultados.

A interatividade, é outra palavra que pode definir o impacto da transformação digital no Marketing e nas Vendas. Com a busca incessante por conteúdos, o consumidor assumiu o controlo do contacto com as empresas e exige, independente do segmento, o seu protagonismo nas relações comerciais.

Seja através dos downloads dos materiais ricos, das redes sociais, da participação em webinars ou eventos presenciais, o Cliente é quem busca as empresas, revelando as suas dores e necessidades que podem ser solucionadas com um produto ou serviço. São essas informações que vão dar às empresas, o caminho para serem o destaque no seu segmento.

Em alta velocidade, a transformação digital aproximou as equipas de Marketing e Vendas, de forma a exigir de ambas um trabalho em conjunto. Mais do que nunca, é preciso reunir as informações das pessoas interessadas no que a sua empresa oferece, disponibilizar conteúdos relevantes de maneira automatizada para os seus contactos e acompanhar toda a trajetória de interação, além do que deve ser e como comunicado  nos mais diferentes canais da sua empresa.

A estratégia de conteúdo, a automatização das ações de Marketing e o papel educativo, tornaram-se aspetos essenciais para as empresas que buscam o seu espaço de destaque no novo mercado digital.

Os tempos mudaram e as interações digitais já não são mais um diferencial. Estar no digital é um facto inevitável e que as organizações não poderão ignorar por muito mais tempo. As empresas que ainda não se ajustaram a esta nova realidade, estão a ficar passos e talvez anos atrás da realidade atual. A transformação digital já não é mais algo do futuro, mas sim uma realidade que exige adaptação por parte das empresas. É preciso agir com base em métricas, de forma automatizada e adaptada à era  digital, para assim oferecer as soluções das quais as empresas precisam para crescerem de maneira previsível, com foco na escalabilidade e sustentabilidade.

 Por João Miguel Mesquita Tags
1
1