observador.ptobservador.pt - 21 mai 16:34

Arouca vai pedir insolvência e avança para rescisão coletiva do plantel

Arouca vai pedir insolvência e avança para rescisão coletiva do plantel

A administração reuniu esta segunda-feira com os jogadores e informou-os da decisão. Na manhã desta terça-feira, o plantel foi ao estádio recolher os seus pertences, mas as portas estavam fechadas.

Depois da despromoção para o Campeonato de Portugal, a administração do Arouca irá pedir insolvência do clube decidiu avançar com a rescisão coletiva com todos os jogadores do plantel. De acordo com o Jornal de Notícias (JN), que avançou a informação, a administração do clube reuniu esta segunda-feira com os jogadores e informou-os da decisão. Na manhã desta terça-feira, quando o plantel foi ao estádio recolher os seus pertences, as portas já estavam fechadas.

Segundo o JN, os salários de abril ainda não terão sido liquidados, bem como alguns prémios relativos a esta temporada dos jogadores. Em comunicado citado pela agência Lusa, o Sindicato dos Jogadores (SJ) referiu que “não existe, neste momento, da parte da administração qualquer resposta para o sucedido, nem informação sobre o que irá acontecer nos próximos dias”.

O SJ sublinha ainda as preocupações relativamente ao futuro do clube e informou que está a tentar contactar a Liga de clubes para obter mais informações, lembrando que o “Arouca esteve sujeito aos mecanismos de controlo financeiro e foi licenciado para a competição”.

No domingo, o Arouca foi despromovido ao Campeonato de Portugal, ao perder na visita à Oliveirense, por 2-1, em jogo da 34.ª e última jornada da II Liga, na qual terminou em 16.º e antepenúltimo lugar.

1
1