www.jornaldenegocios.ptjornaldenegocios.pt - 14 mai 09:34

Vodafone baixa dividendo para cortar na dívida

Vodafone baixa dividendo para cortar na dívida

A decisão quebra um compromisso assumido pelo CEO mas está a ter impacto positivo nas ações.

A Vodafone anunciou esta terça-feira um corte substancial no dividendo que vai pagar aos acionistas, devido à necessidade de reduzir o endividamento, investir no desenvolvimento da rede 5G e concluir a aquisição da Liberty Global.

A remuneração no atual exercício será de 9 cêntimos por ação, abaixo dos 15,07 cêntimos do ano passado. Esta queda quebra o compromisso assumindo em novembro pelo CEO Nick Read, que tinha garantido a manutenção do "payout" (parcela dos lucros que é entregue aos acionistas).

"A administração tomou a decisão de baixa o dividendo, o que irá contribuir para reduzir a dívida e desalavancar para o nível inferior do intervalo que projetamos para os próximos anos", disse o CEO.

O corte no dividendo surge também na sequência da descida das receitas da companhia de telecomunicações, que enfrenta maior concorrência em mercados chave, como o italiano e espanhol. As receitas no ano fiscal que terminou em março desceram 6,2% para 43,7 mil milhões de euros e os resultados operacionais foram negativos em 951 milhões de euros.

O EBITDA ajustado aumentou 3,1%, em linha com as metas da empresa e o previsto pelos analistas, tendo a Vodafone reiterado o objetivo de alcançar um EBITDA ajustado entre 13,8 e 14,2 mil milhões de euros.  

As ações da Vodafone valorizam 2,38% para 134,94 pence.

3
1