www.jornaldenegocios.ptUlisses Pereira - 13 mai 11:07

Uma semana difícil

Uma semana difícil

O que me fará despir o meu fato de touro será uma quebra do índice PSI-20 consisten-te da zona de suporte dos 5.000 pontos.
Comente aqui o artigo de Ulisses Pereira

A semana passada foi bastante má para a Bolsa portuguesa, apesar da forte subida de sexta-feira. É verdade que, nos artigos mais recentes, tinha alertado para a pressão que esta época de dividendos iria exercer sobre o índice português, mas o que se passou na semana passada vai muito além disso.

As principais Bolsa mundiais viveram dias de quedas fortes, ao sabor dessa autêntica novela que é o possível (des)acordo comercial entre Estados Unidos e China. Não deixa de ser curioso que, ao longo dos últimos meses, este tema já foi motivo para subidas fortes e quedas fortes, com o mercado a navegar em função de palavras de alguém que é capaz de dizer algo num dia e contradizer-se no dia seguinte. Bem-vindos ao mundo mágico de Mr. Trump.

Antevia uma luta difícil, por causa da distribuição de dividendos, para o PSI conseguir aguentar a zona dos 5.250 pontos, mas confesso que não esperava esta onda de quedas que contagiou a Bolsa portuguesa e trouxe o índice português para baixo dessa zona, sem qualquer contemplação.

Os meus olhos estão agora postos na zona de suporte entre os 5.000 e os 5.050 pontos, aquela que sempre considerei a fronteira entre o "Bear" e o "Bull Market". Essa é a zona que os touros têm de defender nesta difícil época de distribuição de dividendos para que todo o trabalho dos últimos meses não seja colocado em causa.

O que aconteceu na semana passada não é motivo para se entrar em pânico mas ignorar as quedas também não é o aconselhável. As correções fazem parte dos mercados e dos "Bull Markets". O importante é definir os valores que, caso sejam quebrados, nos levem a concluir que mais do que uma correção estaremos presentes perante uma inversão. E o que me fará despir o meu fato de touro será uma quebra consistente da zona de suporte dos 5.000 pontos. Enquanto isso não acontecer, há que manter a disciplina e aguentar a tempestade. 



Nem Ulisses Pereira, nem os seus clientes, nem a DIF Brokers detêm posição sobre os activos analisados. Deve ser consultado o disclaimer integral aqui


Analista Dif Brokers
ulisses.pereira@difbroker.com

6
1