www.dinheirovivo.ptdinheirovivo.pt - 17 abr 13:24

Talkdesk. Nova edição do programa Tech Dojo quer recrutar talento jovem

Talkdesk. Nova edição do programa Tech Dojo quer recrutar talento jovem

A Talkdesk abriu as candidaturas para a segunda edição do programa Tech Dojo, que tem como ambição a contratação de 50 novos talentos.

A unicórnio portuguesa, que desenvolve software para centros de contacto, quer recrutar talento da área tecnológica. O programa Tech Dojo tem como alvo os recém-licenciados e mestres das áreas de engenharia informática, programação e data science.

“O Tech Dojo é um programa que vai buscar talento diretamente às faculdades, dando aos jovens a oportunidade de integrar o projeto verdadeiramente global que é a Talkdesk. A ideia é proporcionar-lhes uma experiência de aprendizagem rápida e de exposição a diversas realidades técnicas dentro da empresa, com a expetativa de que venham depois a desenvolver as suas carreiras connosco”, explica Francisca Matos, diretora de talento da Talkdesk, citada em comunicado.

Leia também | Pixels Camp. Provavelmente a maior concentração de programadores por m2 em Portugal

Na primeira edição, no ano passado, foram contratados 18 jovens para integrar a Talkdesk. Nesta edição, o número de vagas disponíveis aumentou para as 50, distribuídas pelos escritórios da empresa em Lisboa, Porto e Coimbra.

As candidaturas estão disponíveis online, através do site da empresa. A Talkdesk frisa que não há uma data final para o período de candidaturas, que “fecharão assim que as vagas se encontrarem preenchidas”. Depois disso, haverá duas fases deste programa: no início de setembro e final de outubro.

Leia também | Talkdesk: o novo unicórnio corre atrás do futuro

A Talkdesk atingiu o estatuto de unicórnio (empresa avaliada em mais de mil milhões de dólares) em 2018, juntando-se à Farfetch e à OutSystems. Criada em 2011, a Talkdesk já tem 1400 clientes, com escritórios distribuídos por Lisboa, Porto, Coimbra, São Francisco, Salt Lake City e Londres.

Estes 50 talentos jovens vão juntar-se aos 500 colaboradores atuais. Até 2020, a Talkdesk tem como objetivo chegar aos mil engenheiros informáticos.

1
1