A ministra da Justiça portuguesa afirmou hoje, em Luanda, após um encontro com o Presidente de Angola, que João Lourenço não exprimiu qualquer preocupação nas relações judiciais e judiciárias com Portugal.