sol.sapo.ptsol.sapo.pt - 16 mar 17:38

Empresário Boaventura acusado de novo suborno

Empresário Boaventura acusado de novo suborno

Empresário terá pedido encontro com o guarda-redes do Rio Ave.

Em apenas uma semana é a segunda vez que o empresário César Boaventura vê o seu nome associado a casos relacionados com a tentativa de aliciamento de jogadores.

A notícia é avançada na edição deste sábado do Expresso, que dá conta de uma conversa entre o empresário e Cássio, guarda-redes do Rio Ave. 

O semanário revela que essa conversa foi ouvida pela Polícia Judiciária e que mais tarde o guarda-redes comentou com um amigo a conversa com Boaventura onde relatou que ouve uma tentativa de suborno no valor de 250 mil euros, e que tinha como objetivo facilitar encontro com o Benfica.

Segundo declarações do guarda-redes do Rio Ave foi feita uma chamada por um agente FIFA para uma reunião pessoal “porque os telemóveis têm ouvidos”.

Cássio, atualmente ao serviço do Al Taawon, já foi desmentido por César Boaventura através de um comentário publicado nas redes sociais.

"Como é possível isto? 250.000€? Como alguém pode acreditar numa pessoa assim? Vais pagar bem pago. Não precisas colaborar com a PJ precisas provar. Mais um processo em tribunal agora com o homem que de 15000€ chegavam 3000€ para acabar o processo de difamação. Cambada de gente sem escrúpulos", escreveu Boaventura no Facebook.

340
1