expresso.ptexpresso.pt - 14 fev 08:56

70% dos cartões de crédito cobram taxa na compra de combustíveis. Saiba quais são os mais vantajosos

70% dos cartões de crédito cobram taxa na compra de combustíveis. Saiba quais são os mais vantajosos

Apenas três em cada dez cartões que circulam em Portugal não aplicam aos utilizadores custos acrescidos na compra de gasolina e 36% têm anuidades superiores a 25 euros, revela um estudo do simulador do mercado de crédito ComparaJá.pt que analisa os 92 cartões existentes no país

Em Portugal, sete em cada dez cartões que circulam no mercado cobram uma taxa de 50 cêntimos pela compra de combustíveis - revela um estudo da ComparaJá.pt, plataforma de comparação de produtos bancários que faz uma análise dos 92 cartões bancários existentes no país, segundo dados reportados a janeiro de 2019.

Segue-se a lista dos cartões bancários que atualmente cobram taxas pelos pagamentos nas gasolineiras (sendo 50 cêntimos por cada operação o valor praticado na totalidade dos casos) e que foram identificados na análise do simulador de mercado de crédito:

  • Abanca - Unibanco Clássico
  • EuroBIC - Soft
  • EuroBIC - Classic
  • EuroBIC - Gold
  • BPI - Cartão BPI
  • BPI - BPI Prémio
  • BPI - BPI Gold
  • BPI - BPI Zoom
  • BPI - BPI Campeões
  • BBVA - Depois Classic BBVA
  • BBVA - Depois Gold BBVA
  • Caixa Geral de Depósitos - Caixa Classic
  • Caixa Geral de Depósitos - Caixa Gold
  • Caixa Geral de Depósitos - Caixa Platina
  • Caixa Geral de Depósitos - Caixa In
  • Caixa Geral de Depósitos - Crédito Leve
  • Caixa Geral de Depósitos - Miles & More Classic
  • Caixa Geral de Depósitos - Miles & More Gold
  • Caixa Geral de Depósitos - Caixa ISIC
  • Caixa Geral de Depósitos - Visabeira Exclusive
  • Caixa Geral de Depósitos - LA Visa
  • Banco CTT - Cartão de Crédito
  • Montepio - Classic
  • Montepio - +Vida
  • Montepio - Gold
  • Montepio – World
  • BPI - FC Porto
  • Oney - cartão Jumbo bancário Visa
  • ActivoBank - Classic
  • Cartão BP
  • Crédito Agrícola - Classic
  • Crédito Agrícola - Premier
  • Crédito Agrícola - CA Mulher
  • Crédito Agrícola - CA & Companhia
  • Crédito Agrícola - CA Seguros
  • Crédito Agrícola - Twist
  • Cetelem - Black
  • Deutsche Bank - DB Classic
  • Deutsche Bank - DB Gold
  • FNAC - Cartão FNAC
  • Millennium BCP - Classic
  • Millennium BCP - Platinum
  • Millennium BCP - GO!
  • Millennium BCP - Gold
  • Millennium BCP - Prestige
  • Millennium BCP - TAP Classic
  • Millennium BCP - TAP Gold
  • Millennium BCP - TAP Platinum
  • Novo Banco - NB Verde
  • Novo Banco - NB Gold
  • Novo Banco - NB Branco
  • Sonae FS - Universo
  • Unibanco - Clássico
  • Unicre - Credivisão
  • Cetelem - Conforama
  • Cetelem - Decathlon
  • Cetelem - IKEA
  • Cetelem - Media Markt
  • Caixa Geral de Depósitos - Benfica Member
  • Caixa Geral de Depósitos - Benfica Member Gold
  • Caixa Geral de Depósitos - Sporting Classic
  • Caixa Geral de Depósitos - Sporting Gold
  • Caixa Geral de Depósitos - Benfica Adepto

O estudo da ComparaJá.pt avança ainda que o número de cartões de crédito gratuitos tem vindo a aumentar em Portugal (33 num total de 92 cartões isentam os consumidores de custos associados à anuidade ou a comissões de utilização mínima do cartão, quando no final de 2017 havia apenas 25 cartões nestas condições entre os 102 que circulavam), mas 36% ainda têm uma anuidade superior a 25 euros, tantos quantos os que estão isentos destes custos.

Maioria dos bancos com TAEG no limite máximo mesmo cobrando anuidade

Também no que toca à Taxa Anual Efetiva Global (TAEG), que representa o custo total suportado pelo cliente que adquire um determinado crédito, foi apurado que apenas 26 entre os cartões que circulam têm aqui uma taxa inferior a 16% - e segundo dados referentes ao primeiro trimestre de 2019 a TAEG média nos cartões de crédito é de 15,48%.

"Atendendo a que o limite máximo imposto pelo Banco de Portugal para as taxas de juro no presente trimestre é de 16,6%, esta análise evidencia que a grande maioria dos bancos está a aplicar uma TAEG no limite máximo, ou muito próximo desse teto, isto mesmo quando cobram uma anuidade ao cliente", destaca José Figueiredo, CEO do ComparaJá.pt.

A inclusão de seguros gratuitos associados aos cartões, e que hoje atinge 73% do total, é, por outro lado, uma tendência de mercado evidenciada neste estudo, designadamente com o objetivo de precaver usos fraudulentos ou roubos. "As instituições financeiras, acompanhando o aumento das compras 'online' por parte dos portugueses, têm apostado em oferecer alguns seguros de forma a proteger os consumidores quando realizam transações com cartão de crédito na Internet, explica José Figueiredo.

85% dos cartões permite associação ao MB Way

Segundo o estudo, a grande maioria dos cartões de crédito em Portugal, 85%, permitem a sua associação ao serviço MB Way, e apenas 15% dos cartões de crédito têm uma função dual (ou seja, a possibilidade de realizar operações quer a crédito quer a débito). "O MB Way é um serviço cujo acesso é disponibilizado em grande escala no mercado nacional, e neste sentido é compreensível que tenha gerado recentemente uma grande polémica devido ao potencial aumento das comissões cobradas pelos bancos nas transferências através deste serviço", faz notar o responsável da ComparaJá.pt.

Mais de dois terços dos cartões de crédito existentes em Portugal permitem acesso a descontos que abarcam hotéis, restaurantes, tecnologia ou vestuário, em parceiros das instituições financeiras que os emitem - é outra tendência evidenciada no estudo da ComparaJá.pt.

“É curioso perceber que, apesar de o 'cashback' ser a categoria específica mais procurada pelos utilizadores do comparador de cartões de crédito do ComparaJá.pt, apenas 13% dos produtos incluem este benefício”, refere José Figueiredo, frisando que "é possível antecipar que, concretamente neste âmbito, existe uma lacuna no mercado, havendo potencial de atração de novos clientes por parte dos bancos que ofereçam mais produtos com 'cashback'”.

Tendo como universo de análise as últimas 30 mil simulações realizadas na plataforma, a conclusão do estudo é que "os consumidores portugueses procuram sobretudo cartões que incluam benefícios que permitam receber de volta parte do valor das compras realizadas". E enquanto "as famílias com rendimentos mais baixos procuram maioritariamente cartões das categorias de 'Cashback' e 'Descontos', as famílias com rendimentos mais elevados já procuram mais as categorias de 'Milhas Aéreas' e 'Premium'.

Outros dados apurados pela ComparaJá.pt dão conta que a média de custos nos pagamento no estrangeiro (fora do Espaço Económico Europeu) é de 2,63€ (cálculo feito a partir de um pagamento de 100€), que a média do custo do cashadvance é de 7,49€ (cálculo feito a partir de um levantamento de 100€) e que a média do custo do crédito em linha é de 6,35 € (cálculo feito a partir de uma transferência de 100€).

Com base nesta análise, a plataforma identificou os melhores cartões de crédito em Portugal em 2019, que são mais vantajosos para os consumidores em seis diferentes categorias:

- Melhor Cartão com Milhas para 2019: Santander - Cartão Platinum

- Melhor Cartão com Cashback para 2019: Cofidis - Cartão Cofidis (+1€)

- Melhor Cartão com Descontos para 2019: WiZink - WiZink Rewards

- Melhor Cartão Premium para 2019: CGD - Caixa Platina

- Melhor Cartão com Pontos para 2019: Unibanco - Cartão Atitude

- Cartão mais económico para 2019: BNI Europa - Cartão de Crédito Puzzle

17
1