www.jn.ptjn.pt - 13 fev 20:42

Hotéis do Porto vão formar jovens e garantem emprego a 80%

Hotéis do Porto vão formar jovens e garantem emprego a 80%

Oito hotéis de luxo irão ser a escola de cerca de 50 jovens em formação no projeto-piloto "Aprendizagem dá emprego". No fim têm de empregar 80% dos formandos.

O Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), a Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo (APHORT) e oito hotéis do Porto assinam esta quinta-feira, no Porto, um acordo que "visa promover a qualificação do emprego jovem em unidades hoteleiras de referência, através da formação de dupla certificação", esclareceu, ao JN, o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

Os Cursos de Aprendizagem são direcionados para jovens, entre os 15 e os 24 anos - com o 9.º ano de escolaridade -, que pretendam completar o 12.º ano e obter, ao mesmo tempo, uma certificação profissional. O objetivo é tornar a formação mais atrativa "incentivando os jovens através do fator empregabilidade", explicou ao JN Paulo Feliciano, vice-presidente do IEFP.

Os cursos terão uma duração de três anos. No último, os hotéis ficam responsáveis por atribuir uma "Bolsa de Profissionalização" correspondente a 50% do valor da retribuição mínima mensal garantida.

Além disso, a APHORT garantirá, através dos hotéis associados, uma taxa de empregabilidade de pelo menos 80% dos formandos que concluam com sucesso os cursos. As unidades hoteleiras vão participar nas componentes tecnológica e prática dos Cursos de Aprendizagem.

O processo de seleção de formandos começará a ser feito já em março e terá em conta o perfil e o interesse dos mesmos. "A parceria com a APHORT tem como meta formar 200 jovens em dois anos", acrescentou Paulo Feliciano.

No quadro do projeto "Aprendizagem dá emprego" está já programada a constituição de dois grupos de formação, com 25 alunos cada, com a saída profissional de Técnico de Cozinha/Pastelaria e outro para a saída profissional de Técnico de Restaurante/Bar.

A concretização do acordo visa, também, responder às necessidades de mão-de-obra qualificada e por isso, se inicia no Porto onde há "uma carência de quadros qualificados na área da hotelaria", advogou o vice-presidente do IEFP.

O Sheraton Porto Hotel, Porto Palácio Hotel Congress, Crowne Plaza Porto, Intercontinental Porto - Palácio das Cardosas, The Yeatman, The Artist Hotel, The House Ribeira Hotel e o Holiday Inn Porto Gaia serão a escola dos futuros estudantes.

De acordo com o IEFP, para dois anos e 200 formandos, o investimento previsto é de dois milhões de euros.

116
1