observador.ptobservador.pt - 14 jan 15:46

Panda Bear com disco novo e concerto em Lisboa a 14 de abril

Panda Bear com disco novo e concerto em Lisboa a 14 de abril

O antigo membro dos Animal Collective Noah Lennox vai apresentar o seu próximo álbum ao vivo em Lisboa. 'Buoys', o sexto disco do músico com o projeto a solo Panda Bear, chega dia 8 de fevereiro.

O membro do grupo Animal Collective Noah Benjamin Lennox vai apresentar o próximo álbum do seu projeto a solo Panda Bear em Lisboa. O concerto está agendado para dia 24 de abril, no Grande Auditório da Culturgest. Esta é, para já, a única data confirmada de apresentação do disco Buoys em Portugal.

O sexto álbum a solo de originais do guitarrista e compositor de música nascido no estado da Virgínia, nos Estados Unidos da América, será editado em formato físico e digital dia 8 de fevereiro. Buoys inclui os temas já revelados “Token” e “Dolphin” e será o terceiro álbum a solo de Panda Bear nesta década, depois de Tomboy (2011) e Panda Bear Meets the Grim Reaper (2015).

Com os Animal Collective, Lennox editou esta década três discos, Centipede Hz (2012), Painting With (2016) e Tangerine Reef (2018), depois de várias gravações e edições (com a banda e com alguns dos seus elementos, antes da formação oficial do grupo) na década anterior.

No comunicado de anúncio do concerto, os organizadores apresentam o próximo álbum do autor norte-americano de temas pop experimentais desta forma: “Buoys dá-nos canções mais simples, mais certeiras, amparadas pelos sons circulares da sua guitarra acústica, decerto bem mais próximas das ideias que originaram a sua escrita. Imagina-se um processo de produção preocupado em manter a energia crua e poderosa das canções, em vez de levá-las para outros lugares”.

Nos últimos anos, Noah Lennox escolheu Lisboa para se fixar (vivendo na capital portuguesa quando não está em digressões internacionais, algo que acontece com frequência) dedicou uma canção ao seu novo clube desportivo de eleição, o Benfica, no álbum Tomboy, e outra ainda ao bairro do Príncipe Real, no disco Panda Bear Meets the Grim Reaper.

O concerto está incluído na primeira programação anual de Pedro Santos, antigo programador musical do Teatro Maria Matos (atualmente em processo de concessão a privados), para a Culturgest. Na lista de concertos do primeiro semestre de 2019 está também confirmada uma atuação de um novo trio composto pelos músicos portugueses Norberto Lobo, Bruno Pernadas e Marco Franco — apresentarão o primeiro álbum desta formação chamada Montanhas Azuis dia 15 de fevereiro, também no auditório principal. No último semestre de 2018, decorreram na Culturgest concertos de Tim Hecker The Konoyo Ensemble, James Holden & the Animal Spirits, Midori Takada, Peter Evans com a Orquestra Jazz de Matosinhos, Mouse on Mars e António Pinto Vargas.

Buoys também será apresentado ao vivo em outras cidades europeias no mês de abril, como Londres, Berlim, Roterdão, Madrid e Bruxelas. O anterior álbum a solo do músico também foi apresentado ao vivo em Portugal, em 2015, no Teatro Municipal Maria Matos. Em junho do ano passado, Panda Bear esteve presente na recriação ao vivo do álbum de culto Sung Tongs no Cineteatro Capitólio, no Parque Mayer, também em Lisboa.

3
1