www.publico.ptpublico.pt - 12 jan 08:42

PS-Madeira reúne Estados Gerais, e espera de novidades de Lisboa

PS-Madeira reúne Estados Gerais, e espera de novidades de Lisboa

Segunda convenção dos Estados Gerais leva dois ministros e um secretário de Estado à Madeira, para debate centrado na economia do mar.

O momento é de afirmação do PS-Madeira e do candidato do partido à presidência do governo regional, o independente Paulo Cafôfo, mas neste sábado, no arranque dos Estados Gerais dos socialistas madeirenses, será em Ana Paula Vitorino que estarão concentradas as atenções​. A ministra do Mar vai abrir a convenção, a segunda promovida pela actual direcção do PS-Madeira, e a expectativa é que apresente novidades sobre a ligação por ferry entre o arquipélago e o continente.

O governo madeirense, do social-democrata Miguel Albuquerque, quer chamar o Estado a financiar uma ligação marítima regular de passageiros e mercadorias, argumentando com os deveres constitucionais do Estado em termos de garantia da continuidade territorial. A pretensão esbarrou no ano passado no Ministério do Mar, obrigando o Funchal a avançar sozinho para uma operação de apenas três meses, que Cafôfo, e os defensores de uma ligação semanal durante todo o ano, dizem ser pouco.

O candidato socialista, e presidente independente da Câmara Municipal do Funchal, encontrou-se em Outubro, em Lisboa, com Ana Paula Vitorino, e à imprensa regional garantiu ter desbloqueado o dossier. Para já, a operação consta das Grandes Opções do Plano do Orçamento de Estado para este ano.

É pouco, não chega - reagiram o executivo madeirense e o PSD-Madeira, insistindo que as promessas de Lisboa não têm sido cumpridas, e que António Costa está a condicionar as relações com a Madeira com objectivos eleitorais.

Cafôfo rejeita essa leitura, e exemplifica com a aprovação esta semana pelo Conselho de Ministros de legislação relacionada com a segurança a bordo dos navios mercantes com bandeira portuguesa, reivindicada há muito pela Madeira. “Esperamos uma clarificação do governo da República nessa matéria [ferry]”, admite o candidato socialista ao PÚBLICO, dizendo que a presença de Ana Paula Vitorino nos Estados Gerais traz uma “expectativa muito positiva”.

A ministra do Mar, que estará na convenção acompanhada por João Matos Fernandes, ministro do Ambiente, e do secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo, são a face mais política do encontro em que a economia azul vai estar centro do debate. “[Vamos] debater aquilo que consideramos as áreas prioritárias para o futuro da nossa região,  e que irão ser a base do nosso programa de governo”, sintetiza Paulo Cafôfo, sublinhando que é a primeira vez que um partido na Madeira discute durante um ano inteiro o programa político de forma aberta com a sociedade civil.

Além do mar, o debate terá por temas a modernização da Administração Pública regional, a Coesão e Desenvolvimento Territorial, a Juventude e Empreendedorismo e a Gestão e Ordenamento Florestal. O PS-Madeira prevê realizar uma terceira convenção, ainda antes das europeias.

2
1