observador.ptobservador.pt - 12 jan 16:16

Bebé nasce com feto de irmão gémeo de 1 quilo no estômago

Bebé nasce com feto de irmão gémeo de 1 quilo no estômago

Bebé nasceu com o estômago dilatado, mas foi-lhe dada alta. Acabaria por ser novamente internada, para ser operada para lhe retirarem o feto do estômago. Condição rara chama-se fetus in fetus.

Uma bebé indiana, que nasceu com um feto no interior do estômago, foi submetida a uma operação de urgência na passada segunda-feira para retirar os restos mortais do seu irmão gémeo de dentro de si. A criança, cuja identidade não foi revelada, nasceu com uma distensão abdominal, mas, apesar disso, acabou por lhe ser dada alta e a bebé foi enviada para casa com a sua mãe.

No entanto, depois de vários dias a ver a sua filha queixar-se do que lhe pareciam ser dores de estômago, e até porque sentia ali uma zona mais dura, a mãe voltou ao hospital. Foi então que detetaram que a bebé recém-nascida carregava dentro de si um feto que pesava já um quilo. 

A intervenção cirúrgica, que durou hora e meia, foi bem sucedida, avançou o New York Post. O feto retirado já tinha mãos e pés desenvolvidos, assim como o estômago, parte da coluna e do tórax também estariam já desenvolvidos.

Não é a primeira vez que um caso destes acontece e o fenómeno é conhecido como fetus in fetus, ou feto parasita, tendo uma probabilidade de ocorrência de 1 em cada 500 mil nascimentos. Em 2007, aconteceu um caso semelhante, também num bebé indiano: foi encontrado um feto de 7 centímetros atrás do estômago da criança, que já tinha cérebro, pernas e braços.

14
1