desporto.sapo.ptdesporto.sapo.pt - 8 dez 19:00

II Liga: Famalicão sobe ao primeiro posto com vitória caseira sobre Leixões

II Liga: Famalicão sobe ao primeiro posto com vitória caseira sobre Leixões

Golo de Fabrício chegou para que a equipa famalicense conquistasse os três pontos.

Um golo de Fabrício foi suficiente para o Famalicão vencer hoje o Leixões e subir ao primeiro lugar da II Liga de futebol, em jogo da 11.ª jornada da prova.

Fabrício marcou, aos 12 minutos, um tento que ditou que os famalicenses passem a noite como líderes do campeonato, uma vez que o Paços de Ferreira joga no domingo em casa da Oliveirense. No sentido contrário, o Leixões passou da sétima posição a oitavo.

Num jogo muito equilibrado, que foi mais disputado na segunda parte, o Famalicão chegou ao golo aos 12 minutos, com um cabeceamento de Fabrício, após canto de Fabinho, que ainda desviou em Ângelo.

Apesar de tudo terem tentado para voltarem à igualdade, os matosinhenses não conseguiram marcar, enquanto, do lado contrário, o Famalicão também não aproveitou as oportundiade que dispôs para ampliar.

Jogo disputado no Estádio Municipal de Famalicão.

Famalicão - Leixões, 1-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcador:

1-0, Fabrício, 12 minutos.

Equipas:

- Famalicão: Defendi, Koffi, Hugo Gomes, Ângelo, David Luís, Phaté Ciss, Hocko, Fabinho (Filipe Oliveira, 70), Feliz (Anderson, 85), Walterson (Sylla, 67) e Fabrício.

Suplentes: Gabriel, Rafael Guzzo, Jorge Miguel, Filipe Oliveira, Eduardo, Anderson e Sylla).

Treinador: Sérgio Vieira.

- Leixões: Tony, Jorge Silva, Pedro Monteiro, Matheus Costa, Stéphane, Ceitil (Erivaldo, 46), Oudrhiri (Evandro, 87), Ofori (Breitner, 70), Bernardo, Roniel e Kukula.

(Suplentes: Luís Ribeiro, Breitner, Erivaldo, Ploni, Anthony, Tiago Moreira e Evandro).

Treinador: Filipe Gouveia.

Árbitro: Artur Soares Dias (Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Bernardo (43), David Luís (43), Koffi (67), Feliz (75), Filipe Oliveira (77), Roniel (79), Breitner (87) e Pedro Monteiro (89). Cartão vermelho direto para Tony (90+1).

Assistência: 4.127 espetadores.

1
1