visao.sapo.ptvisao.sapo.pt - 6 dez 12:56

Professor do primeiro ano dispensado por dizer às crianças que o Pai Natal não existe

Professor do primeiro ano dispensado por dizer às crianças que o Pai Natal não existe

O docente, que estava a substituir outro, numa cidade americana, já não vai voltar a ser chamado para dar aulas - além do Pai Natal, também "matou" o Coelhinho da Páscoa e a Fada dos Dentes

Um professor substituto de Nova Jérsia não vai voltar a dar aulas no agrupamento local de escolas, por ter revelado às crianças (quase todas com seis anos) que o Pai Natal não existe. O anúncio foi feito pelo diretor da escola Cedar Hill, que enviou uma carta aos pais dos miúdos a pedir desculpa pelo sucedido e a garantir que o professor em causa (cujo nome não foi revelado) não vai voltar a ser convocado. "Como pai de quatro, tenho consciência da natureza sensível do anúncio", escreveu o diretor, Michael Raj.

A superintendente das escolas, Rene Rovtar, já se tinha confessado "desolada" pelo incidente, acrescentando que "o encantamento da infância com as épocas festivas e as tradições" era muito especial para ela.

As crianças não ficaram só órfãs do Pai Natal, e logo em plena época natalícia. O professor também aproveitou para acabar com os mitos do Coelhinho da Páscoa, da Fada dos Dentes e o Elf on the Shelf (um gnomo que ajuda o Pai Natal a estar de olho no comportamento dos meninos).

1
1