www.jornaldenegocios.ptjornaldenegocios.pt - 8 nov 20:11

Sonae Capital com prejuízo 12 vezes maior até Setembro

Sonae Capital com prejuízo 12 vezes maior até Setembro

A Sonae Capital comunicou à CMVM que entre Janeiro e Setembro deste ano registou um prejuízo de 6,31 milhões de euros, um resultado negativo mais de 12 vezes superior ao prejuízo verificado no período homólogo.

O prejuízo da Sonae Capital foi mais de 12 vezes maior do que há um ano, reportou a cotada em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Na nota enviada esta quinta-feira, 8 de Novembro, ao regulador, a Sonae Capital revela que fechou os primeiros nove meses do ano com um resultado negativo de 6,31 milhões de euros, valor que compara com o prejuízo de 500 mil euros obtido em igual período do ano passado.

Tendo somente em conta o resultado no terceiro trimestre deste ano, a cotada liderada por Miguel Gil Mata conseguiu alcançar lucros de 3,62 milhões, que ainda assim representam uma quebra de 9% face ao período homólogo (em que foi alcançado um resultado de 3,98 milhões de euros).

Já o EBITDA (resultados antes de impostos, juros, amortizações e depreciações) foi de 12,63 milhões de euros entre Janeiro e Setembro deste ano, uma quebra de 0,4% em relação ao mesmo período de 2017.

O volume de negócios consolidado fixou-se em 150,7 milhões de euros nos primeiros nove meses deste ano, o que significa um crescimento homólogo de 15,4%. A cotada explica que a evolução positiva do volume de negócios "beneficiou do desempenho das unidades de negócio, que mais do que compensaram a redução de 4,3% registada na unidade de activos imobiliários".

"O balanço dos primeiros nove meses do ano é positivo. Apesar de os níveis de concretização serem diferentes de negócio para negócio, como um todo, a Sonae Capital continuou a dar passos seguros no cumprimento do seu propósito estratégico", disse o CEO da empresa, Miguel Gil Mata, no comunicado enviado ao regulador.

4
1