www.jn.ptjn.pt - 16 set 17:13

Irmão de Djaló que presenciou acidente reage à morte da irmã

Irmão de Djaló que presenciou acidente reage à morte da irmã

O irmão de Yannick Djaló, que segundo alguma imprensa terá assistido ao atropelamento que vitimou a irmã mais nova, reagiu este domingo à tragédia e despediu-se de Açucena Patrícia.

A irmã mais nova de Yannick Djaló estava acompanhada por um grupo de amigos no momento em que foi atropelada, na madrugada de sábado, nas festas da Moita. Ao que se sabe, um outro irmão de Djaló também estava no local e assistiu a tudo. O jovem reagiu publicamente à morte da irmã este domingo, através das redes sociais.

João Ronaldo tem 20 anos e despediu-se da irmã com duas publicações na ferramenta Instastories, da rede social Instagram: "Até um dia minha princesa"; "Nunca vou esquecer o teu sorriso, amor do mano, minha princesa. Amo-te."

O atropelamento ocorreu cerca da 1.50 horas deste sábado, quando um veículo entrou "a alta velocidade por um arruamento de acesso às referidas festas, tendo embatido violentamente nas guardas de madeira de proteção, utilizadas para as largadas de touros, as quais não impediram que o veículo colidisse com as vítimas, provocando cinco feridos leves e uma vítima mortal", revela a GNR em comunicado.

O condutor do veículo, um jovem de 21 anos, foi ouvido na tarde de sábado no tribunal do Barreiro, em Setúbal. O juiz decretou que vai aguardar pelo desenrolar do processo em prisão preventiva. O JN sabe que o atropelamento foi intencional e terá acontecido na sequência de uma rixa, que não envolveu a vítima mortal.

1
1