eco.pteco.pt - 13 jul 17:37

Prio distingue duas startups portuguesas e uma espanhola

Prio distingue duas startups portuguesas e uma espanhola

As três vencedoras do programa de aceleração da Prio já são conhecidas. Entre as ideias premiadas está um pavimento inteligente, um carregador mais rápido de veículos elétricos e robótica avançada.

Já são conhecidas as três startups vencedoras do programa de aceleração Prio Jump Start, promovido pela Prio e em parceria com a consultora de inovação iMatch. De um total de 99 candidaturas, de 20 países diferentes, foram escolhidas três startups: duas são portuguesas e uma espanhola.

A portuguesa Pavnext apresentou uma solução inovadora de pavimento inteligente, que alia a segurança rodoviária à eficiência energética. O pavimento permite captar a energia cinética de carros e pessoas e transformá-la em energia que pode ser usada em todo o tipo de aplicações. A proposta permite, ainda, a monitorização de dados de tráfego e energia gerada e consumida em tempo real.

No campo dos veículos elétricos, a outra startup portuguesa vencedora, a TramGrid, desenvolveu um carregador que utiliza a corrente disponível nas redes catenárias dos elétricos para alimentar o carregamento dos veículos elétricos de forma mais rápida.

A startup espanhola sediada em Sevilha, a Macco Robotics, chegou ao pódio com soluções de robótica avançada e especializada na interação com humanos, destinadas às áreas do retalho, saúde, lazer e restauração.

“O Prio Jump Start traduz a nossa forma aberta de encarar a inovação, procurando trazer para dentro da organização soluções inovadoras provenientes de agentes naturais de inovação, as startups. Nesta edição, focámo-nos em áreas chave para a nossa organização, de forma a garantir que tínhamos as startups certas a trabalhar connosco”, disse Cristina Borges Correia, diretora de inovação da PRIO, em comunicado.

As três grandes vencedoras foram selecionadas entre um grupo de dez finalistas que apresentaram, durante o bootcamp que terminou na passada sexta-feira, dia 6 de julho, os seus projetos à administração da Prio e aos responsáveis pelas várias áreas de negócio da empresa. A escolha dos melhores projetos baseou-se no trabalho desenvolvido ao longo das três semanas de bootcamp.

Agora, vão ter a oportunidade de realizar um projeto-piloto com a Prio, de valor base mínimo de dez mil euros e com o apoio de especialistas da empresa e da Nova SBE para ajudar a implementá-los.

Além destes prémios, as primeiras cinco classificadas tiveram acesso a uma outra prova. Voar num avião de acrobacias, com o Comandante Luís Garção e controlar o avião durante um loop aéreo. O autor do melhor loop garante o acesso ao Web Summit ou a 2.500 euros destinados à promoção da sua startup.

1
1