www.dn.ptdn.pt - 18 mai 02:06

Casillas renova e fecha época com ″chave de ouro″

Casillas renova e fecha época com ″chave de ouro″

Guarda-redes aceitou baixar salário para ficar mais uma época: "Há coisas mais importantes do que o fator económico"

De época em época, já lá vão três anos de Casillas no Dragão. E vai mesmo haver uma quarta temporada. O guarda-redes espanhol de 36 anos renovou ontem contrato com o FC Porto por mais uma época, até junho de 2019, altura em que terá 38 anos (faz 37 no próximo domingo).

Dias depois de se sagrar campeão nacional, o espanhol anunciou aos portistas a boa nova através das redes sociais, ao publicar uma fotografia com a seguinte mensagem: "Mais uma época! Hoje é um dia muito feliz para mim. Ficarei mais um ano junto dos portistas. Sem dúvida que renovar é fechar a época com chave de ouro. Obrigado pelo apoio", escreveu no Twitter. Pouco depois o clube oficializou a renovação, um desejo de ambas as partes concretizado após um encontro entre Casillas e Pinto da Costa na véspera.

O presidente do FC Porto já tinha manifestado, durante os festejos do título, a vontade de ver o espanhol de dragão ao peito por mais tempo. E o espanhol também, mas era preciso juntar a vontade a um acordo financeiro que o viabilizasse. Ou seja, uma substancial redução do salário (que rondava os cinco milhões de euros anuais brutos), indispensável perante as limitações financeiras da SAD portista e do fair play financeiro da UEFA.

Casillas sempre se mostrou muito "enamorado" (apaixonado) pelo clube, e pela cidade Invicta, e a conquista do título (com garantia de mais uma presença na Champions) acabou por ser decisiva para a renovação do guarda-redes campeão da Europa e do Mundo pela seleção espanhola.

"Desde o primeiro dia que a atitude do presidente comigo foi fenomenal. No momento em que se começou a falar desta possibilidade, não tinha nenhuma dúvida de que, quando nos sentássemos a tomar um café, a conversa iria chegar a bom porto", explicou o guardião ao site do FC Porto, salientando que "há coisas mais importantes do que o fator económico".

Iker Casillas chegou ao FC Porto em 2015 e à terceira época conquistou o primeiro título pelos dragões. A época que agora terminou ficou marcada por um episódio com Sérgio Conceição, que o preteriu por José Sá durante vários meses, mas Casillas manteve-se tranquilo no banco até voltar e ser decisivo para a conquista do título. Agora renovou e já aponta a novos objetivos. "Todos os títulos possíveis, porque o FC Porto é grande e a cidade do Porto o merece."

A vontade de Casillas em continuar no FC Porto deixou Pinto da Costa "orgulhoso", mostrando-se feliz por manter "um jogador deste nível". "Infelizmente, devido ao fair play financeiro, não nos era possível manter as condições que ele tinha, mas chegámos a um entendimento. Não é pelo passado que ele é importante. Temos muito orgulho nisso, mas nestas coisas conta o presente e ele acabou a época como titular, foi importante em jogos decisivos e a partir do momento em que o treinador mostrou vontade de o manter no plantel nós fomos até onde era possível", referiu Pinto da Costa ao site do clube, realçando que Casillas "tinha propostas para ir ganhar mais do que ganhava aqui no ano passado e decidiu ficar".

1
1