www.publico.ptpublico.pt - 17 mai 22:02

Fotografia. Galeria Carlos Carvalho é a única portuguesa na PhotoLondon

Fotografia. Galeria Carlos Carvalho é a única portuguesa na PhotoLondon

O principal encontro de fotografia do Reino Unido decorre até domingo. Galeria lisboeta leva cinco autores portugueses a uma feira que se vai afirmando no panorama da fotografia europeia.

A Galeria Carlos Carvalho, de Lisboa, é a única representante portuguesa na PhotoLondon, que arrancou esta quinta-feira e decorre até domingo. Depois de quatro edições, esta feira afirma-se como um dos mais importantes encontros de fotografia no Reino Unido, levando à Somerset House algumas das mais reputadas galerias da especialidade de todo o mundo, como a Les Filles du Calvaire, de Paris, a Michael Hoppen, de Londres ou a Howard Greenberg, de Nova Iorque.

Para esta edição da PhotoLondon, a Carlos Carvalho apostou em obras de Daniel Blaufuks (1963, Lisboa), Carla Cabanas (1979, Lisboa), Tiago Casanova (1988, Funchal), Tatiana Macedo (1981, Lisboa) e Noé Sendas (1972, Bruxelas). De Blaufuks, são apresentados dois trabalhos da série Warburgs Zettelkästen (2017), compósito de imagens de caixas de arquivo, um dos temas predilectos do artista; Carla Cabanas mostra imagens de O que Ficou do que Foi – o Álbum Cabanas (2010-2011); Tiago Casanova regressa às imagens de tiragem única da série Paisagem Híbrida, Projecto Pearl (2012); Tatiana Macedo leva fotografias da série The Bedroom in English (2010-2018); e Noé Sendas mostra trabalhos onde a linearidade das imagens e a sua leitura convencional é posta em causa, naquele que é um dos principais traços da sua obra.

Ao todo, a PhotoLondon — fundada por Michael Benson e Fariba Farshad, da produtora cultural Candlestar, que organiza também o Prix Pictet, um dos mais importantes prémios de fotografia do mundo — recebe este ano 111 expositores (entre galerias, editoras e outras instituições ligadas à fotografia), mais 22 do que a edição do ano passado.

1
1