eco.pteco.pt - 14 mar 17:32

Centeno vai explicar possível nova injeção no Novo Banco

Centeno vai explicar possível nova injeção no Novo Banco

Em causa está um relatório da Comissão Europeia que dá conta de que o Estado ainda poderá injetar mais dinheiro no capital da instituição bancária.

Os deputados da Comissão de Orçamento e Finanças aprovaram, esta quarta-feira, a audição do ministro das Finanças, Mário Centeno, e do governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, sobre o Novo Banco. Em causa está um relatório da Comissão Europeia que dá conta de que o Estado ainda poderá injetar mais dinheiro no capital da instituição bancária.

As audições de Mário Centeno e de Carlos Costa requeridas pelo CDS-PP não têm ainda data marcada, apesar de terem sido pedidas com “alguma urgência”, disse à Lusa a deputada centrista Cecília Meireles.

Os democratas-cristãos requereram estas audições para, por um lado, esclarecerem a possibilidade de o Estado entrar com mais capital no Novo Banco, isto além dos 3,89 mil milhões de euros que o Fundo de Resolução bancário (na dependência do Banco de Portugal) ainda poderá injetar.

Por outro lado, o CDS-PP quer conhecer a visão do Banco de Portugal sobre a gestão do Novo Banco, depois de recentemente ter sido conhecido um relatório da Comissão Europeia (aquando da venda do Novo Banco ao fundo de investimento Lone Star) em que dizia que este mantinha ainda em 2016 práticas erradas de concessão e gestão de crédito.

1
1