www.publico.ptpublico.pt - 15 fev 15:29

Saúde. Lena Dunham removeu útero por causa de endometriose

Saúde. Lena Dunham removeu útero por causa de endometriose

Actriz de 31 anos explicou, num texto editado pela Vogue, por que tomou a decisão que a impossibilita de ter filhos.

A actriz norte-americana Lena Dunham, 31 anos, que criou e protagoniza a série Girls, revelou ter feito uma histerectomia, no final do ano, porque sofria de endometriose. Num artigo publicado na revista Vogue, na quarta-feira, Dunham explica os detalhes e as consequências de uma doença crónica que afecta cerca de 176 milhões de mulher no mundo, segundo a Fundação Endometriose da América

A actriz conta, na primeira pessoa, como a endometriose, de que padecia há uma década, lhe causava dores insuportáveis e que, por isso, decidiu fazer a cirurgia, depois de ter estado muitas vezes internada por esse motivo, ter feito tratamentos; e depois de ter tentado de tudo, recorrendo mesmo a terapias alternativas. 

Esta condição está relaccionada com o facto de o endométrio, o tecido que cobre o interior do útero, se desenvolver noutros órgãos, podendo causar lesões, assim como quistos nos ovários. Através da cirurgia, a histerectomia, o útero é removido total ou parcialmente. 

Dunham conta como esteve internada 12 dias, antes de ser operada, e como todos à sua volta, das enfermeiras aos médicos, passando pelo capelão, sentiam pena por ser tão jovem. É que depois de feita uma histerectomia não é possível engravidar. Algo que a actriz confessa no seu texto seria uma experiência por que queria passar: "Eu queria essa barriga. Eu queria saber como são esses nove meses de união completa." Apesar disso, agora, Dunham quer avaliar a possibilidade de ter ovócitos e desses serem viáveis. Caso isso aconteça, a actriz pondera recorrer a uma barriga de aluguer. Se não for possível, então, não descarta a possibilidade de poder vir a adoptar. Porque, afinal, nunca teve dúvidas de que queria ser mãe, escreve.

1
1