desporto.sapo.ptdesporto.sapo.pt - 14 jan 17:32

Arouca vence Famalicão e aproxima-se do topo da II Liga

Arouca vence Famalicão e aproxima-se do topo da II Liga

O Arouca venceu hoje o Famalicão por 1-0, na 20.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol, graças a um golo apontado na primeira parte por Barnes, ...

O Arouca venceu hoje o Famalicão por 1-0, na 20.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol, graças a um golo apontado na primeira parte por Barnes, o que permite à formação arouquense aproximar-se dos principais lugares da tabela.

Barnes fez o único golo da partida aos 22 minutos, um tento que prolongou a série negativa do Famalicão, que leva agora quatro derrotas consecutivas, enquanto a formação da casa fica agora a dois pontos do trio de segundos classificados, a Académica, Académico de Viseu e Leixões.

As equipas entraram para a partida separadas por um ponto e esse equilíbrio verificou-se durante a primeira parte, com a formação famalicense a tomar primeiro o controlo do jogo, procurando sair com posse de bola através de passes curtos.

Era o Famalicão quem estava melhor no encontro, mas foi o Arouca quem se adiantou no marcador, à passagem dos 22 minutos, com Barnes a aproveitar um mau domínio de um defesa e a rematar rasteiro à meia volta, batendo o guarda-redes Leonardo.

Os visitantes ficaram fragilizados com o tento sofrido, cometendo alguns erros na zona defensiva, inclusive na saída com posse de bola, mas a formação arouquense, apesar de ter tomado as ‘rédeas’ do jogo, não conseguiu aumentar a vantagem até ao intervalo e, aos 39 minutos, Mendes ficou perto de empatar, mas a tentativa de ‘chapéu’ foi agarrada por Bracali.

O Famalicão arriscou no segundo tempo, com Dito a retirar o defesa João Faria e colocar o avançado Anderson, baixando Vítor Lima para o corredor central.

Por seu lado, o Arouca foi refrescando o meio-campo de forma a baixar o ritmo de jogo, segurando assim a vantagem, o que tornou o jogo algo desinteressante.

Aos 76 minutos, Roberto ficou perto de aumentar o marcador, mas Leonardo conseguiu evitar, enquanto na área contrária, Bracali afastou com os punhos e ficou no chão, William atirou rasteiro e Deyvison, em cima da linha, impediu o empate.

Com o seu primeiro toque na bola, o reforço Ernest Ohemeng rematou com perigo, com a bola a passar perto do poste, a cinco minutos de terminar a partida que o Arouca acabaria por vencer pela diferença mínima.

Jogo realizado no Estádio Municipal de Arouca.

Arouca – Famalicão: 1-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

Barnes, aos 22 minutos.

Equipas:

- Arouca: Bracali, Jefre Vargas, Nuno Coelho, Deyvison, Vítor Costa, Ericson, Nuno Valente (Palocevic, 63), Bruno Alves (Benny, 68), Bukia (Ernest Ohemeng, 84), Roberto e Barnes.

(Suplentes: Gasparotto, João Amorim, Benny, Palocevic, Ernest, Areias e Lúcio Maranhão.)

Treinador: Miguel Leal.

- Famalicão: Leonardo, Joel, José Pedro, João Faria (Anderson, 46), Jorge Miguel, Vítor Lima, Hocko, Feliz (Fabinho, 56), Mendes (Denner, 68), Jaime Poulson e Willian.

(Suplentes: Gabriel, Denner, Nélson Cunha, Fred, Fabinho, Anderson e Nuno Diogo.)

Treinador: Eduardo Mendez (Dito).

Árbitro: Manuel Oliveira (AF Porto).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Feliz (37), Joel (58), Hock (62), Barnes (82), Leonardo (90), Jefre Vargas (90+6), José Pedro (90+9)

1
1