www.publico.ptpublico@publico.pt - 13 jan 21:34

Crónica. Made in Portugal

Crónica. Made in Portugal

Depois de um merecido dia de descanso, o Dakar regressou e, inesperadamente, mas de uma forma a que a prova já nos habituou, operou-se um volte face na competição automóvel, enquanto a nova mudança de líder entre as motos promete tornar-se frequente.

Depois de um merecido dia de descanso, o Dakar regressou e, inesperadamente, mas de uma forma a que a prova já nos habituou, operou-se um volte face na competição automóvel, enquanto a nova mudança de líder entre as motos promete tornar-se frequente.

Aproveito, entretanto, para regressar a La Paz e ao dia de descanso onde não faltou seguramente um convívio português. São poucos os pilotos e navegadores, mas muitos outros lá estão nas mais variadas funções. Destaco os mecânicos que Portugal continua a colocar com muito sucesso nas principais equipas, tanto de duas como de quatro rodas. Presunto, queijo e um bom vinho português não faltou de certeza.

Mas há mais. Uma das cinco máquinas que lidera este Dakar foi integralmente preparada e desenvolvida em Portugal e com muita participação portuguesa. O Can-Am Maverick pilotado pelo brasileiro Reinaldo Varela foi todo ele construído em Sintra, nas instalações da South Racing e com muito know-how português.

Os SSV estão a ter um excelente comportamento seja pela fiabilidade - ainda estão 9 dos 11 em prova - como pelos andamentos demonstrados. Veremos como vai ser daqui para a frente: primeiro na altitude da Bolívia e depois nas pistas argentinas.

1
1