www.jornaldenegocios.ptjornaldenegocios.pt - 8 dez 09:22

Euro com a maior série de quedas desde 2016. Bitcoin supera os 17 mil dólares

Euro com a maior série de quedas desde 2016. Bitcoin supera os 17 mil dólares

As bolsas europeias estão a subir a beneficiar do acordo entre Bruxelas e Londres que desbloqueia as negociações para o Brexit. Já o euro continua a perder valor, registando o maior ciclo de descidas em mais de um ano. A bitcoin continua imparável e já esteve a negociar acima dos 17 mil dólares por unidade.

Os mercados em números

PSI-20 sobe 0,47% para 5.416,75 pontos

Stoxx 600 ganha 0,84% para 389,66 pontos

Nikkei valorizou 1,39% para 22.811,08 pontos

"Yield" a 10 anos de Portugal aumenta 0,5 pontos base para 1,822%

Euro recua 0,23% para 1,1746 dólares

Petróleo sobe 0,47% para 62,49 dólares por barril

Bolsas europeias sobem à boleia do Brexit

As bolsas europeias estão a subir, a beneficiar do desbloquear das negociações entre a União Europeia e o Reino Unido, algo que foi conhecido ainda antes da abertura das bolsas. Espera agora que prossigam as negociações, nomeadamente sobre a relação comercial entre Londres e Bruxelas. O Stoxx600, que agrega as 600 maiores cotadas europeias, está a subir 0,84% para 389,66 pontos.

Lisboa segue a mesma tendência, com o PSI-20 a ganhar 0,47%, numa altura em que os ganhos são generalizados entre as cotadas nacionais. BCP e o sector da energia são os que mais contribuem para os ganhos do principal índice nacional.
 

Juros seguem com ganhos ligeiros

As taxas de juro implícitas na dívida dos países europeus estão a registar subidas generalizadas, ainda que ligeiras. E Portugal não é excepção. A "yield" das obrigações portuguesas a 10 anos está a avançar 0,5 pontos base para 1,822%. Já a bund alemã está a crescer 2,1 pontos para 0,314%, o que reduz o prémio de risco da dívida nacional para cerca de 151 pontos base.

Euro regista a maior série de quedas desde Novembro de 2016

A moeda única europeia está a cair há seis sessões consecutivas, o que corresponde à maior série de quedas desde Novembro de 2016. A queda do euro está mais relacionada com factores externos, nomeadamente com uma aposta maior no dólar por parte dos investidores, numa altura em que se aguarda por mais pormenores da reforma fiscal dos EUA. Ainda assim, há a especulação de que esta reforma levará a um aumento das apostas na moeda americana. 

Petróleo cai 2% na semana
Os preços do petróleo estão a acumular uma queda de cerca de 2% na semana, pressionados sobretudo pelo aumento das reservas dos EUA, isto depois de na semana passada a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) terem acordado uma extensão dos cortes de produção. Esta sexta-feira, o barril do Brent, negociado em Londres e referência para Portugal, está a subir 0,47% para 62,49 dólares, aliviando a descida semanal para 1,95%.
 

Bitcoin de máximos em máximos

A subida da bitcoin parece não ter fim. Esta sexta-feira, esta criptomoeda já atingiu um novo máximo, ao superar os 17 mil dólares. A bitcoin chegou a subir 6,08% para 17.027,39 dólares por unidade, tendo entretanto aliviado os ganhos e segue a negociar nos 16.077,39 dólares. Tendo em consideração o valor actual, a subida semanal da bitcoin ascende a 48%.

1
1