sol.sapo.ptsol.sapo.pt - 7 dez 20:30

Autor do relatório de Pedrógão Grande diz que “houve mortes por atraso no socorro”

Autor do relatório de Pedrógão Grande diz que “houve mortes por atraso no socorro”

"Creio que algumas vítimas que acabaram por falecer talvez sobrevivessem" se os meios de socorro tivessem chegado aos locais mais rapidamente, afirmou Xavier Viegas.

O incêndio em Pedrógão Grande fez 64 vítimas mortais e vários feridos graves, sendo que o autor do relatório afirma que houve várias mortes devido ao atraso dos meios de socorro, afirmou hoje o investigador.

Houve "demora no socorro e no tratamento médico", declarou Domingos Xavier Viegas, líder da equipa da Universidade de Coimbra.

Xavier Viegas falava no auditório do Polo II da UC, durante o seminário subordinado ao tema "As lições de Pedrógão Grande.

1
1