tek.sapo.pttek.sapo.pt - 15 nov 07:35

MB Way e smartphone na mão: agora já pode (mesmo) ir às compras e deixar a carteira em casa

MB Way e smartphone na mão: agora já pode (mesmo) ir às compras e deixar a carteira em casa

Fica hoje disponível uma nova funcionalidade da app MB Way que permite pagar as compras diretamente com o smartphone, usando a tecnologia NFC. O sistema estreia no Centro Comercial do Colombo em Lisboa e há promoções para quem quiser experimentar.

A aplicação MB Way da SIBS já permitia transferências instantâneas, compras online e na app, geração de cartões virtuais MB NET e levantamento de dinheiro em caixas Multibanco sem necessidade de usar o cartão, mas agora dá um passo adicional permitindo usar o smartphone para fazer pagamentos na loja, diretamente no TPA. Basta encostar o smartphone à máquina e colocar o PIN MB Way para que a transação se realize.

O sistema não é muito diferente dos cartões contactless, que atualmente já são comuns em Portugal, mas neste caso o cartão é substituído pelo smartphone.

“Ambas as tecnologias são muito cómodas, seguras e simples de usar. Mas com esta funcionalidade no MB WAY, nem precisamos levar a carteira porque os cartões estão no telemóvel. Hoje em dia, se tivermos de escolher o que levamos quando saímos, entre a carteira e o telemóvel, qual escolhemos?!” lembra Maria Antónia Saldanha, Diretora de Comunicação da SIBS.

A nova funcionalidade estreia hoje e o Centro Comercial Colombo, em Lisboa, associou-se à promoção do serviço. A maioria dos comerciantes deste espaço comercial já tem dispositivos que permitem pagar com NFC MB Way, e os clientes vão ter acesso a descontos e prémios.

Para já o pagamento com MB Way através de NFC (Near Field Communication ) só está disponível em smartphones Android com tecnologia NFC, já que existem limitações nos smartphones da Apple que restringem a utilização da antena a utilizações da fabricante – leia-se às suas próprias soluções - mas a SIBS garante que vai disponibilizar uma solução alternativa à tecnologia NFC no início de 2018.

O sistema de pagamento com o NFC do smartphone já é utilizado em muitos países com várias soluções de pagamento, como a Apple Pay e a Google Pay, que ainda não chegaram a Portugal. Em países como a China a funcionalidade tem grande adesão e muitos utilizadores já só usam os sistemas do WeChat ou a AlyPay para pagar a maior parte das transações, incluindo os transportes públicos e as máquinas de venda de produtos.

Esta modalidade de pagamento vai estar a funcionar também em grandes cadeias e comerciantes, podendo as lojas aderentes ser identificadas através de um selo MB Way.  A SIBS tem um localizador de lojas a funcionar no seu site para ajudar os consumidores a localizar as que já aderiram.

Segundo a empresa, o número de utilizadores do MB Way já ultrapassa os 500 mil e mais de metade dos terminais de pagamento da rede Multibanco já estão prontos para aceitar os pagamentos com cartões contactless, bastando receberem uma atualização de software para receberem pagamentos com NFC. A SIBS afirma que a rede de lojas com terminais que permitem estes pagamentos vai ser progressivamente alargada até ao final do ano.

Funcionalidade e segurança

O alargamento da rede de comerciantes a suportar esta funcionalidade é crucial para o sucesso dos pagamentos com MB Way, mas a adesão aos pagamentos sem contacto (contactless) pode ser um sinal positivo. Atualmente mais de 30% dos cartões bancários já têm esta funcionalidade e segundo a SIBS, até outubro deste ano foram realizadas cerca de 13 milhões de compras contactless, o que representa um crescimento de cerca de 48% face ao período homólogo.

“Há claramente uma adesão dos consumidores a estes novos métodos de pagamento, ainda mais cómodos, simples e muito seguros”, explica Maria Antónia Saldanha.

E a segurança? A app do MB Way permite a cada utilizador adaptar a sua forma de utilizar o pagamento via NFC, definindo que apenas aceita fazer pagamentos NFC com o aparelho desbloqueado e com PIN MB WAY. E a SIBS explica que “apesar de em termos de tecnologia de transmissão de dados – Near Field Communication - ser a mesma ao nível do software, as operações NFC no MB WAY têm níveis de segurança acrescidos face a outras tecnologias de cartão físico”.

Em resposta ao TEK a empresa lembra ainda que, entre os países com maior utilização de cartões bancários, Portugal é o que apresenta menores níveis gerais de fraude, sendo apontado pelo Banco Central Europeu como um dos países com um sistema de pagamento mais seguro.

Os responsáveis pela SIBS referem também que “o serviço MB WAY utiliza protocolos e algoritmos de segurança garantindo a confidencialidade, integridade e autenticação dos dados transmitidos, processados e armazenados seguindo as mais recentes e exigentes normas de segurança europeias”. E acrescentam que “todas as comunicações e transações MB WAY são monitorizadas 24 horas por dia, 7 dias por semana e 365 dias por ano por uma equipa totalmente dedicada à prevenção e deteção de fraude”.

1
1