www.publico.ptpublico.pt - 13 out 16:38

México. Como será o muro de Trump? Já há propostas à vista na fronteira com o México

México. Como será o muro de Trump? Já há propostas à vista na fronteira com o México

São protótipos para aquilo que poderá ser o “muro grande e bonito” que o Presidente Trump tanto prometeu.

São para já os únicos sinais materiais de uma das mais polémicas promessas de Donald Trump. Os oito troços de muro que se erguem em San Diego, nos Estados Unidos, são protótipos para aquilo que poderá ser o “muro grande e bonito” de que o actual Presidente tanto falou na campanha eleitoral norte-americana.

Depois de no início de Setembro ter sido anunciado que seis empresas iriam estar encarregadas de construir protótipos do muro, estes modelos já são bem visíveis e as imagens dos mesmos têm sido divulgadas pelos meios de comunicação. Neste caso, através de fotografias de um repórter da Agência Reuters a partir de Tijuana, no lado mexicano da fronteira.

Segundo a National Public Radio (NPR), metade dos modelos é feita de betão enquanto a outra metade foi construída com outros materiais, atingindo uma altura entre cinco e nove metros de altura. Após a sua construção estar terminada, dentro de aproximadamente duas semanas de acordo com os prazos iniciais, serão alvo de testes para pôr à prova o grau de impenetrabilidade mas também para avaliar a estética dos mesmos.

Citado pela NPR, um responsável da Agência de Alfândega e Protecção Fronteiriça dos EUA assegura que as autoridades estão “empenhadas em tornar a nossa fronteira segura” e que “isso implica construir muros”. Ronald Vitiello, comissário-adjunto do organismo, refere que este avanço na construção de protótipos permite à administração incorporar todas as ferramentas necessárias para garantir a segurança da fronteira.

No entanto, e ainda que os troços de muro já espreitem em San Diego – alguns verdadeiras paredes de betão, noutros casos encimados por grades com arame farpado – a concretização do muro está comprometida visto que o Congresso norte-americano se recusa a libertar fundos para a construção do muro.

A ideia inicial de Trump, que passava por edificar um muro ao longo dos mais de três mil quilómetros da fronteira entre Estados Unidos e México, tem sido posta em causa por vários quadrantes da sociedade norte-americana, desde políticos a organizações católicas, por exemplo. Na verdade, durante o mandato de George W. Bush mais de mil quilómetros de fronteira já haviam sido vedados e existem outras áreas que possuem barreiras naturais (cadeias montanhosas e rios) que impedem por si só as tentativas de travessia.

Ainda assim, o Presidente norte-americano já ameaçou paralisar o Governo e e a Administração Pública caso o projecto não receba o aval orçamental. “Essa é uma das razões pela qual estou aqui, e isso é o que o povo americano merece – e é isso que irão ter”, afirmou Trump.

1
1