desporto.sapo.ptdesporto.sapo.pt - 13 ago 14:05

Benfica: Svilar força saída do Anderlecht e clube avisa que as coisas podem ficar 'muito feias' para o guarda-redes

Benfica: Svilar força saída do Anderlecht e clube avisa que as coisas podem ficar 'muito feias' para o guarda-redes

O continuidade de Mile Svilar no Anderlecht é um cenário cada vez mais difícil. O guarda-redes de 17 anos não está a treinar com os restantes companheiros de ...

O continuidade de Mile Svilar no Anderlecht é um cenário cada vez mais difícil. O guarda-redes de 17 anos não está a treinar com os restantes companheiros de equipa depois de apresentar um atestado médico, e o clube belga admite que tudo vai fazer para que Svilar não saia como jogador livre.

Apontado ao Benfica pela imprensa belga, Mile Svilar pediu para jogar mais vezes no Anderlecht, mas o corpo técnico do clube entendeu que o jogador ainda não está pronto para assumir a titularidade na equipa, razão pela qual o guardião de 19 anos quer agora rescindir unilateramente contrato para negociar com outros clubes.

Em declarações ao portal DH, citado pelo jornal O JOGO, o diretor desportivo do Anderlecht admitiu que há neste momento uma posição de força entre clube e jogador, e revelou que o emblema belga acionou uma cláusula no contrato de Mile Svilar que o vincula até 2019 ao clube.

"Svilar quer recorrer a uma lei de 1978 [que lhe permite a rescisão], mas este é um caso em que só haverá perdedores: a sua família, ele e o clube. Mas o Anderlecht não acabará se ele rasgar o contrato. Já acionámos a opção que tínhamos e ele agora está preso ao clube até 2019. Estamos numa posição de força, mas também não queremos estragar a carreira ao rapaz", começou por dizer Herman van Holsbeeck.

"Eu disse que ia tentar que Mile fosse o titular em 2017/18, mas todo o staff do treinador René Weiler garante que ele ainda não está preparado e que deve ser emprestado", acrescentou o dirigente sobre o pedido de Svilar para continuar no Anderlecht.

Apesar de reconhecer que, o clube está a 'fazer tudo para manter a paz' Holsbeeck garante também que as negociações vão até 'a corda partir'.

"Iremos negociar até a corda partir. O clã Svilar não me ouve, o que é triste por tudo o que fizemos pelo rapaz desde os 12 anos. As coisas podem ficar muito, muito feias", sentenciou Holsbeeck.

Recorde-se que a imprensa belga avança que o guarda-redes de 17 anos tem muitos clubes interessados, nomeadamente o Benfica, emblema que procura um guardião para colmatar a saída de Ederson para o Manchester City.

1
1