www.jn.ptjn.pt - 13 ago 19:23

Manchester United de Mourinho goleia e assume liderança

Manchester United de Mourinho goleia e assume liderança

O Manchester United, de José Mourinho, encerrou, este domingo, a jornada inaugural da Premier League do futebol inglês com uma goleada por 4-0 na receção ao West Ham, com golos de Lukaku (2), Martial e Pogba, que valeram a liderança.

Os "red devils" encabeçam o grupo de oito equipas que após a primeira jornada somam três pontos, no qual se incluem Tottenham, Manchester City, Arsenal, Huddersfield, Everton, West Brom e Burnley, autor da proeza da ronda inaugural, ao vencer no terreno do campeão Chelsea, no sábado, por 3-2.

O West Ham, com o português José Fonte no banco, sentiu sempre sérias dificuldades para travar o poderio ofensivo do Manchester United, que dispôs de oportunidades para marcar pelo belga Lukaku (ex-Everton), aos 18 minutos, e pelo espanhol Juan Mata, aos 26.

Com o "motor" Nemanja Matic (ex-Chelsea) a impulsionar o processo ofensivo, o Manchester United chegou à vantagem com um golo do belga Lukaku, aos 33 minutos, na sequência de um lance de contra-ataque conduzido por Marcus Rashford.

Ainda antes do intervalo, o West Ham dispôs de uma oportunidade para marcar, através de um remate repartido entre o suíço Edmilson Fernandes e o ganês André Aywe, que saiu à figura do guarda-redes espanhol David de Gea.

Na segunda parte, a equipa de José Mourinho materializou com alguma naturalidade a sua superioridade em golos, novamente pelo belga Lukaku, aos 52 minutos, e pelos franceses Anthony Martial, aos 87, e Paul Pogba, aos 90.

No outro encontro deste domingo, o vice-campeão Tottenham venceu em casa do regressado à Premier League Newcastle, por 2-0, com golos de Dele Alli, aos 61 minutos, e do galês Ben Davies, aos 70, após assistências do dinamarquês Christian Erken.

O Newcastle sofreu algumas contrariedades durante o jogo com o Newcastle, dado ter sido obrigado a mexer na defesa após as lesões do galês Paul Dummett, aos 07 minutos, e do francês Florian Lejeune (ex-Eibar), aos 34.

A já por si complicada tarefa da equipa treinada pelo espanhol Rafael Benítez agravou-se ainda mais com a expulsão de Jonjo Shelvey, aos 48 minutos, após uma entrada fora de tempo sobre um adversário.

Mesmo em desvantagem numérica e no marcador, o Newcastle nunca abdicou de perseguir o golo, mas foi o Tottenham, já no período de descontos, que esteve perto de aumentar por Harry Kane, mas o remate saiu à base do poste.

1
1