www.cmjornal.ptMiguel Alexandre Ganhão - 12 ago 01:30

As chamas de Portugal

As chamas de Portugal

Porque arde Portugal? Porque estamos em seca extrema?
Porque as florestas não estão limpas? Porque não conseguimos combater os fogos no início das chamas?

Como se combate uma multiplicação de ignições a meio da tarde, quando os bombeiros fazem frente a uma frente de fogo que avança com a velocidade do vento em Amarante?

Estamos todos alerta para aquilo que o fogo nos pode trazer? Ou culpamos os vizinhos por não limpar os quintais, pedindo ajuda aos bombeiros pelas projeções que nos alimentam a aflição?

Estradas cortadas, linhas de comboio interrompidas, devemos resignar-nos a ser reféns das chamas?Não!

É preciso uma estratégia. Transparente e objetiva que mostre aos portugueses que o Estado está atento ao seu património!

Que os cidadãos podem contar com as entidades públicas para defender os seus bens! Que os impostos pagos não caem em saco roto, e que a casa destruída pode ser levantada sem alarido.

Não vale a pena regatear indemnizações. É preciso descansar os portugueses. O fogo não é uma fatalidade, é uma situação que pode ser evitada!
1
1