24.sapo.ptDiogo Faro - 12 ago 21:14

Atirem-me mais areia para cima, por favor

Atirem-me mais areia para cima, por favor

Olá, banhistas (designação leve e casual que os jornalistas usam nesta altura para designar tudo o que é ser humano que anda a arejar as miudezas num pedaço de areia e água salgada)! Aproveito então este espaço para deixar um apelo a vocês, banhistas que me rodeiam ou se cruzam comigo na praia.

Por favor, se me virem sossegado na toalha a ler um livro, a ver mulheres bonitas e gostosonas no Instagram, ou apenas a tentar concretizar um pequeno cochilo derivado do cansaço inerente a qualquer ressaca... Por favor, por favor, por favor, atirem-me areia para cima. Passem a correr ao meu lado, sacudam a toalha para cima de mim, qualquer coisa.

Sinto que o fazem pouco. Ontem estive o dia inteiro e só tive de sacudir a areia aproximadamente 12 vezes depois de crianças passarem a correr por cima de toda a gente para irem dar um mergulho à estúpido – ajudando pelo caminho as pessoas que tentam entrar na água devagarinho a ficarem logo molhadas e acelerando o processo – enquanto os pais se riem, e bem, imenso. As crianças são o melhor do mundo em qualquer circustância e não faz sentido nenhum que alguns pais, como eu já vi, digam às crianças para não atirarem água ou areia para cima dos outros. É absurdo cortar assim a liberdade às criaturas mais bonitas do mundo.

Dá mesmo gosto quando uma criança ou adulto passa por mim, e vai a bater com o chinelo (pessoas que só se descalçam quando já esticaram as toalhas, espetaram com alarido o chapéu de sol na areia e puseram as tupperwares com pastéis de bacalhau e arroz de tomate à sombra) no calcanhar, atirando areia ao ar a cada passada. Para cima do livro, para dentro dos olhos. Ontem houve um que atirou uma porção de areia tão grande para cima do meu telemóvel que até pôs três gostos de seguida numa miúda menos dada à beleza.

Agradeço imenso. Façam mais. A areia é para partilhar. Sempre que tiverem a mais debaixo dos pés, pensem na falta que ela faz na minha cara.
Obrigado e boa praia, banhistas!

Sugestões mais ou menos culturais que, no caso de não valerem a pena, vos permitem vir insultar-me e cobrar-me uma jola:

- Cataplana de marisco: Comi uma cataplana de marisco em Aljezur. Chorei de felicidade.

- Paredes de Coura: Ainda não sei se lá consigo ir, mas é um festival incrível. Arranquem.

- Bombeiros: Por todo o país, os bombeiros vão continuar a precisar de muita ajuda. Não deixem a onda de solidariedade passar e continuem a ajudar em força os vários quartéis.

1
1