rr.sapo.ptrr.sapo.pt - 12 ago 20:34

Casas em risco em Miranda do Corvo

Casas em risco em Miranda do Corvo

Foi activado o plano municipal de emergência. Fogo combatido por mais de 200 operacionais.

A Câmara de Miranda do Corvo activou o Plano Municipal de Emergência devido ao incêndio "de grandes dimensões" que lavra na freguesia de Semide e que coloca "em risco" diversas casas de cinco aldeias, anunciou a autarquia.

"O Plano Municipal de Emergência de Miranda do Corvo foi activado às 18h00, devido ao incêndio de grandes dimensões que lavra na Freguesia de Semide e que coloca em risco diversas habitações nas aldeias de Canas, Chãs, Vale de Colmeias, Cimo de Vila e Lata", indica a autarquia, em comunicado.

Fonte da Câmara disse à Lusa que o incêndio começou no concelho de Coimbra, mas evoluiu rapidamente para Miranda do Corvo, tendo subido a encosta da Estrada da Beira.

Segundo a GNR, o fogo teve origem na freguesia de Torres do Mondego (concelho de Coimbra), estando cortada nos dois sentidos a Estrada Nacional 17 (Estrada da Beira), entre Ceira e São Frutuoso.

A página da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC), consultada cerca das 19h15, indica que este fogo está a ser combatido por 211 operacionais, apoiados por 57 viaturas e 3 meios aéreos.

1
1